REFERÊNCIA 06

O Livro de Ouro

De Saint Germain

A Vida em todas as suas atividades, onde quer que Ela se manifeste, é DEUS EM AÇÃO. É por falta de conhecimento na forma de aplicar o pensamento-sentimento, que os humanos estão sempre interrompendo a passagem da Essência de VIDA. Se não fosse por essa razão, a Vida expressaria sua perfeição com toda a naturalidade em todas as partes. A tendência natural da Vida é Amor, Paz, Beleza, Harmonia e Opulência. Para Ela é indiferente quem a use; continuamente está surgindo, mais e mais, para manifestar Sua perfeição, e sempre com este impulso vivificador que lhe é inerente. "EU SOU" é a atividade da Vida. 


É inacreditável que os estudantes mais sinceros nem sempre chegam a captar o verdadeiro significado dessas duas palavras! Quando dizeis "EU SOU", sentindo-as, abris a fonte da Vida Eterna, para que corra sem obstáculos ao longo do seu curso; em outras palavras, abris amplamente a porta para seu fluxo natural. Quando dizeis "Eu não sou", fechais a porta ante a face desta Magna Energia. Quando qualquer condição imperfeita aparecer em vossa experiência, declarai, veementemente, que não é verdade; que aceitais somente a Deus, a Perfeição em vossa vida. 


Cada vez que aceitais as falsas aparências, fareis com que elas se expressem e se manifestem em vossa vida e experiências. Não importa que creiais ou não no que estou vos dizendo, ISTO É UMA LEI comprovada através de anos de experiência. Hoje a entregamos a vós, para libertar-vos. "EU SOU" é a plena atividade de Deus. Coloquei em vossa frente, infinidade de vezes, a Verdade de "DEUS EM AÇÃO". Quero que compreendais que a primeira expressão de todo ser individualizado, em qualquer parte do Universo, seja em pensamento, sentimento ou palavra, é "EU SOU", reconhecendo, assim, Sua própria Vitoriosa Divindade.


O estudante, ao tentar compreender e aplicar estas potentes, ainda que singelas leis, tem que manter uma vigilância estreita sobre seus pensamentos e atitudes. Isto porque, cada vez que alguém pensa ou diz "Não Sou", "Não posso" ou "Não tenho" está sufocando a Magna Presença Interna, consciente ou inconscientemente, em forma tão tangível, como se colocasse as mãos ao redor do pescoço de alguém. A diferença desse gesto, na forma externa, é que podeis, com o pensamento, governar vossas mãos e afrouxá-las a qualquer momento. 


Quando alguém faz uma declaração de "não ser", "não ter" ou "não poder", coloca em movimento a energia ilimitada que continuará atuando até que seja anulada e transmutada sua ação. Isto mostrará o enorme poder que tendes para qualificar, ordenar e determinar a forma em que desejeis que atue a Grande Energia de Deus. Não compreendais mal, não se trata de uma atividade, ideia oriental, estrangeira, vã ou leviana, nem de nenhum exagero. Trata-se, nem mais nem menos, do mais alto Princípio de Vida, usado e expressado através de todas as civilizações que tenham existido. 


Lembrai-vos primeiro que toda a forma de vida, consciente de si mesma, expressa o EU SOU, que é muito mais do que "eu existo". Depois, em seu contato com o exterior, com atividade incorretamente qualificada, é que o estudante começa a aceitar coisas inferiores ao "EU SOU". Através de muitos séculos de ignorância e incompreensão, a humanidade carregou de falsidade e irrealidades até mesmo a atmosfera que a rodeia; por isso, tenho de repetir, que quando anunciais "estou enfermo", é uma flagrante mentira com respeito à Divindade. Ela (o EU SOU) jamais conhecerá doença. É sempre plena de Vida e Saúde.


Peço-vos, amado estudante, em Nome de Deus, que cesseis de empregar essas falsas impressões em relação à Divindade, pois é impossível que tenhais liberdade, enquanto as continuais usando. Nunca será demasiado insistir convosco, para que verdadeiramente reconheceis e aceiteis a Magna Presença de Deus "EU SOU" em vosso interior, pois, categoricamente, não tereis mais condições adversas. 


Quando qualquer condição imperfeita aparecer em vossa experiência, declarai, veementemente, que não é verdade; que aceitais somente a Deus, a Perfeição em vossa vida. Cada vez que aceitais as falsas aparências; fareis com que elas se expressem e se manifestem em vossa vida e experiências. Não importa que creiais ou não no que estou vos dizendo, ISTO É UMA LEI comprovada através de anos de experiência. Hoje a entregamos a vós, para libertar-vos.(Saint Germain. O Livro de Ouro. Textos selecionados entre as páginas 05 e 09).